Siga-nos

[ Artigo] Uma Cidade em nossas mãos

[ Artigo] Uma Cidade em nossas mãos

Por Fernando Anísio Batista – Sec .Executivo da ASA

Novamente o futuro da cidade em que vivemos está em nossas mãos. Tamanha é a responsabilidade de cada cidadão em ter o direito e o dever de votar consciente pensando na coletividade para que a cidade seja um ambiente de vida, onde todos possam viver com dignidade, tendo seus direitos respeitados independente da classe social que ocupa.

A crise de representação política e seu descredito crescente, aliado a pandemia, caracteriza uma das mais difíceis eleições da história do Brasil. No entanto, isso não isenta da responsabilidade de cada eleitor, pelo contrário, aumenta ainda mais a responsabilidade de cada pessoa, pois escolhas erradas neste momento da história podem piorar ainda mais a situação que vivemos.

O que fazer diante dessa situação?

  1. Entender a importância do voto para o futuro da cidade. Seu voto está diretamente relacionado com a qualidade de vida para todos. Por isso, não deve partir de uma perspectiva individualista.
  2. Escolher política com “P” maiúsculo: é preciso conhecer bem o candidato e identificar com quem ele é comprometido. Os candidatos com “P” maiúsculos estão comprometidos com a cidade, com a população socialmente vulnerável, com políticas públicas efetivas, ao contrário dos candidatos da política com “p” minúsculo que estão comprometidos com grupos econômicos que almejam utilizar a política para obter mais lucro.

Lembre-se, como afirmou São João Paulo IV “a política é a melhor forma de exercer a caridade”, não deixe os outros decidir por você o que é melhor para a sua cidade. Vote certo, vote consciente, vote em quer o melhor para sua cidade.

Artigo Publicado no Jornal de Arquidiocese.